<BODY> ~*~* Meu Bebê Guilherme 2 *~*~


Guilherme




Meu 2º filhinho nasceu no dia 3/1/2007 às 0h38m em Brasília/DF. Seu peso ao nascer foi 4,250 kg e mediu 54 cm. Seu nome é Guilherme Kazuo Cortez Matsushita e trouxe muita felicidade às nossas vidas.


1º Blog – Gravidez


Mamãe




Meu nome é Catarina e nasci em 20/2/1976 em Brasília/DF. Sou autora deste blog que começou em 17/8/2006, dia em que descobri minha 2ª gravidez. Cinco dias depois, tive uma grande surpresa durante a primeira US: minha gestação já era de 23 semanas ou 5 meses e eu nem desconfiava! Fiquei mais feliz ainda com a novidade e cheia de planos para este novo bebezinho. Sou completamente feliz e realizada por ter me tornado mãe. A minha alegria em ser mãe pela segunda vez quero compartilhar com todos que lerem este blog.



Papai




Este é o pai do Guilherme e meu marido com quem sou casada desde maio/1999. Ele é um pai muito carinhoso e presente. O Guilherme é seu segundo grande troféu no Grand Prix da vida.



Irmão Dudu




Este é o meu 1º filhinho e se chama Eduardo. O Dudu nasceu em 17/9/2005, apenas 1 ano e 4 meses antes do Guilherme. Meus dois meninos prometem muitas aventuras juntos e enxergar o quanto se amam me deixa muito feliz. Eles com certeza serão grandes amigos.


Blog do Dudu


Na Barriga




Na primeira US descobri que minha gestação era de 23 semanas e pude de imediato saber o sexo do bebê: masculino! Fiquei felicíssima, pois sempre quis ter 2 filhos com idades próximas e do mesmo sexo. O Guilherme ficou 42 semanas no barrigão! Eu estava ansiosa para tê-lo em meus braços o quanto antes, mas escolhi respeitar o tempo dele. Contei para isso com a ajuda de minha querida doula Clarissa Kahn e minha GO Rachel Reis. Preparei tudo com muito carinho para a chegada do Guilherme: o chá de bebê, o enxoval, o bercinho, as malas, etc...



O Parto




No dia anterior ao parto minha dilatação já era de 5cm sem dor alguma. As contrações apertaram por volta das 22h. Saí de casa às 23h e tive uma evolução tão rápida do TP que o Guilherme quase nasceu no carro. No hospital, apoiada de cócoras, senti meu menino saindo de dentro de mim direto para os meus braços. Novamente experimentei minha força de mulher, de mãe. A felicidade que vivi naquele momento, eu carregarei por toda a vida. Agradeço a você Guilherme, por ser meu filhinho, meu amor, minha vida.



Desenvolvimento









Contato



Links Amigos


:: Adri, Sofya e Emanuelle
:: Ageu e Matheus
:: Alê e Pedro Luís
:: Aline e Júlia
:: Aline e Bárbara
:: Aline e Ric
:: Alyne e Matheus
:: Ana e Lorenzo
:: Andreza e Teru
:: Ângela e Matheus
:: Bia e Lucas
:: Bia, Lucas e Thiago
:: Bia, Yohana e Yan
:: Bina e Brenda
:: Carla e Marina
:: Cris e Ícaro
:: Cris e Lucas
:: Cristina e Sarah
:: Cristina, Ingrid e Anne
:: Chrystina, Bruno e JP
:: Dani e Caio
:: Dedéia, Pedro e Júlia
:: Eva e Lucas
:: Fabi e Catarina
:: Jack, Ruan e Paulo Victor
:: Jane e Maria Júlia
:: Kátia Regina e Ana Luísa
:: Keila, Lucas e bebê
:: Keity e Lucas
:: Lílian e Nicolas
:: Lisa e Eduardo
:: Lívia e Miguel
:: Lu, Guilherme e Gustavo
:: Mary e Camila
:: Nádila e André
:: Noelma, Pedro e Ana
:: Paty e Gigio
:: Pri, João e Maria
:: Ranne e Maurinho
:: Renata, Isabella e Eric
:: Ruth e Davi
:: Roseli e Breno
:: Ryvane e Ana Clara
:: Selma, Alex e Natália
:: Simoni e Henrique
:: Tábata, Gab e Gui
:: Taci e Danilo
:: Telma e David
:: Valéria e Júlia
:: Valéria e Tikinha
:: Vanessa, Davi e Pedro
:: Ví e Amélie (senha)
:: Vi, Thiago e Júlia
:: Rosileide e Ana Beatriz
:: Bia e Biel
:: Camila e Helena
:: Kelly e Eduardo
:: Fran e Madu
:: Fê Biel e Gui
:: Flávia, Giovanna e Miguel
:: Roberta, Lucas e Diego
:: Mara e Bia
:: Lígia e Vivi
:: Lea e Davi
:: Fabi, Babi e Bia
:: Débora e Dudu
:: Fê e Amandinha
:: Vivi e Francisco
:: Márcia e Mel
:: Simoni e ?
:: Thaty e Alice



Música





Visitas




Hoje é






Mural





Link-nos


Pegue nosso selinho





Pegue nosso selinho





Pegue nosso award







Passado


Blog Antigo
Blog do Dudu

Arquivos:
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Março 2010
Maio 2010



Créditos



Conceitos Design

eXTReMe Tracker





quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Lilypie 2nd Birthday Ticker



Adaptação completa

O Guilherme praticamente se adaptou a escola ou se conformou, rs... Tudo bem que todo dia na hora de se arrumar ele diz que não quer ir, mas pelo menos, o choro desapareceu das lamentações.

Tento não falar muito a palavra escola durante a manhã para não estressá-lo à toa.
Depois do passeio na rua, digo que precisam tomar banho, pois estão suados e não por que vão à escola. Que precisam almoçar, pois está na hora e não por que se atrasarão para a escola. Fico assim, jogando coma as palavras e sem insistir no assunto quando aparecem os “não quero ir para escola”. Não pergunto por que e nem digo como a escola é boa. Faço uma propaganda positiva meio maluca. De manhã, quando os meninos dizem que não querem ir à escola, eu digo que eles não podem ir de manhã, pois a escola está fechada e nenhuma criança da turma deles entra. Rs... O sábado e o domingo são os dias em que os meninos não podem ir à escola. Rs... Vai que dá certo, né?

Depois de uma semana, o Guilherme já larga da minha mão assim que vê a professora. Na porta da escola ele me agarra, mas depois se acostuma.
A tia me disse que ele virou para ela no fim da tarde e soltou:
- Môcha! Môcha! Quéo colo! (moça, moça, quero colo!)

Rs... A tia me contou achando graça...Bonitinho!

Ontem, o Guilherme contou que chutou bola na quadra e chorou um pouquinho, rs...
- Chutei a boua. Choei um poquinho.
Rs...
Estou muito aliviada, pois tinha medo que fosse um início traumático para o Guilherme como foi para mim quando criança.

Lancheiras. Depois que recebi a notícia de ter que comprar lancheiras para os meninos, já que eu comprara somente mochilas (como eram grandes, pensei serem suficientes), achei por sorte a lancheira do Hi5 na internet. Fiquei eufórica, pois o Guilherme é praticamente um Hi5, rs... Pedi uma para o Guilherme e outra lancheira do Batman para o Dudu (ele escolheu).

As professoras me falaram que o método montessoriano contempla a hora do lanche como especial. As crianças levam as lancheiras para um refeitório fora da sala, a professora abre cada lancheira, forra a mesa e abre todos os lanches mandados pela mãe para a criança ver. Cada criança deve comer seu lanche ali em cima, no seu limite, com ordem e tranqüilidade. Depois, as crianças jogam o seu lixo em bacias que as professoras colocam no chão. Estou contando o que eu vi e achei importantíssimo esse acompanhamento das crianças pelas professoras. O Dudu come tudo que eu mando, mas o Guilherme come pouco, mesmo a professora o ajudando. Na hora da saída, a professora sempre me diz o que ele comeu e fez durante a tarde.
Quando os meninos estiverem em casa, tentarei essa da toalhinha para ver se eles comem sozinhos.

Estou mandando de lanche muita comida, rs... Eu heim, parece que os meninos ficarão perdidos na selva, rs... Mando para cada um dois tipos de frutas, inteiras ou picadas no pote, meio pão com manteiga e presunto e um pouco de sucrilhos ou biscoitos doces. Não mando suco, mando uma garrafa de água. Meus meninos bebem muita água graças a eu ter “banido” os sucos, exagerooooo.... Raramente dou sucos a eles, dou mais a fruta mesmo.

Hoje chegou a lancheira do Hi5 e o Guilherme pulava tanto agarrado ao objeto que o lanche virou paçoca, rs... Bastava lembrar da tal lacheira que começava a gritar:
- Cadê minha lanceia do Hi5?
Rs... Acho que se algum coleguinha chegar perto dessa tal lancheira...sei não, rs...

Bebês. A turma do Guilherme é a dos mais novinhos, ele tem coleguinhas de 1 ano e 7 meses, esses são os que mais choram, tadinhos! Eles e os pais na porta da escola...
Ontem foi o primeiro dia que Dudu e Guilherme ficaram de 14-18h e voltei para casa. Até anteontem era regime de plantão na porta da escola, uma tortura... Toda vez que alguma turma passava no trem, os pais corriam para ver seus filhos, os filhos que viam os pais choravam e tentavam pular do veículo em movimento...rs...uma visão infernal! Rs... Pais disputando um espaço na grade do portão para ver alguma coisa, ouvir alguma coisa, ter alguma notícia dos filhos, rs... Filhos nos colos das professoras chorando incontrolavelmente... Ainda bem que meu meninos não são como eu fui.... chorona.

Beijos a todas. Tenho que buscar os meninos daqui a pouco.



Às 11:12


Lilypie 2nd Birthday Ticker